O meu lar é o mundo

A partir do nosso entendimento sobre o significado de lar, podemos avançar no entendimento do que possa ser um doce lar. 

O lar pode ser entendido como local de moradia, espaço de convivência, exercício de relacionamento, e/ou tudo isto junto e mais um pouco.  

Seja qual for a resposta, o fato é que ele é primordial para nosso equilíbrio e qualidade de vida. Se restringir o entendimento de Lar ao convívio com familiares e amigos, ou expandir para vizinhos, conterrâneos e terráqueos, a resposta continua sendo a mesma. O Lar é primordial para nosso equilíbrio e qualidade de vida.

Então o que faz o lar ser um doce lar. Quer seja ele, sua casa ou seu planeta, é a sua atitude, a sua prática diária, o seu cuidado e respeito, para com o espaço e com o outro. O seu relacionamento com o meio, social e natural.

Imagine o quanto sua desorganização invade e incomoda o outro e vice-versa. Quando o outro é invisível, e a minha comodidade soberana os problemas avolumam. Quando enxergo o outro e entendo meu lugar no mundo, as soluções aparecem. Somos semelhantes nas limitações físicas e emocionais. Não se trata de bondade, e sim, de inteligência. Não se trata de discurso politicamente correto, e sim de prática diária.

Somos vulneráveis ao efeito borboleta na teoria do caos

Se entendo lar como espaço onde passo o maior tempo de minha vida (ou toda a minha vida) em contato com pessoas e recursos que me são caros, fazendo coisas que julgo serem importantes, então definitivamente o lar não se restringe a uma casa ou a poucas pessoas. O meu lar é o mundo. Estamos fatalmente interligados e dependentes. Somos vulneráveis ao efeito borboleta na teoria do caos (o bater de asas de uma simples borboleta pode influenciar o curso natural das coisas e provocar um tufão do outro lado do mundo).

É muito mais inteligente expandir o olhar e ver o mundo como lar. Não apenas na fala, mas principalmente na prática. Para que este lar seja doce existe uma receita a seguir, passo a passo. A abertura do olhar é o primeiro passo, a coerência o segundo passo, e as boas práticas, todos os demais passos. 

Benchmarking Brasil: Um programa de valorização das boas práticas nas organizações

Um dos mais respeitados Selos de Sustentabilidade do País, que certifica e compartilha cases de boas práticas há mais de uma década. Até a edição anterior, 373 cases foram certificados e compartilhados em publicações (livros, revistas, portais e bancos digitais) e eventos (encontros, seminários, fóruns e congressos). Os ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) estão inclusos na metodologia de seleção dos cases de sustentabilidade, e as metas e compromissos do Programa estão na plataforma SDG (Sustainable Development Goals) da Agenda 2030 da ONU. Veja em https://sustainabledevelopment.un.org/partnership/?p=22525 

09 de Maio de 2018

Programa Benchmarking Brasil
Inteligência Coletiva em Sustentabilidade  
www.benchmarkingbrasil.com.br