Casa Cheia para o I Fórum Benchmarking de Sustentabilidade do Ano

Ontem a noite foi realizado o primeiro Fórum Benchmarking de Sustentabilidade do calendário 2019 com gestores e especialistas da sustentabilidade para debaterem o tema “Educação, Informação e Comunicação Socioambiental“, uma das temáticas gerenciais do Programa Benchmarking e ODS 4 – Educação de Qualidade, um dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU.

Este primeiro Fórum de Sustentabilidade de 2019 foi realizado na FMU dentro da programação da “1a Semana Desenraizando FMU – Influenciando vidas, Transformando o Planeta e Reunido Pessoas” realizado pelos cursos de Engenharia Ambiental e Sanitária e Tecnologia em Gestão Ambiental da Universidade. 

A Professora dos Cursos de Engenharia Ambiental e Tecnologia em Gestão Ambiental, Kelly Melo fez uma rápida saudação ao público, e na sequencia, a idealizadora do Programa Benchmarking, Marilena Lavorato falou sobre os ODS e a Agenda 2030, e o seu alinhamento com a proposta central dos Fóruns de apresentar Inovações, Soluções e Práticas de Excelência em Sustentabilidade selecionados por especialistas de vários países pela metodologia Benchmarking. 

Os Fóruns fazem parte do terceiro pilar do Programa Benchmarking que é o compartilhamento das Melhores Práticas de Sustentabilidade em Plataforma Digital, Livros de Gestão e Fóruns de Sustentabilidade.

Os Fóruns são realizados há 17 anos (tempo de existência do Programa Benchmarking) sempre de forma aberta e gratuita. Além de mini audiências para públicos interessados, também compartilham conhecimento aplicado para atualização e desenvolvimento técnico da área nas organizações. 

O Gerente de Desenvolvimento Sustentável da Special Dog, João Paulo Camarinha Figueira, apresentou o case “Gibi Turminha Special Dog”, certificado Benchmarking em 2018 na temática “Educação, Informação e Comunicação Socioambiental”.

O Gibi Turminha Special Dog já está na sua 5a edição e tem uma tiragem impressa de 35 mil exemplares que são distribuídos nas escolas públicas. O conteúdo cuidadosamente elaborado com informações sobre a importância do meio ambiente natural, e outros temas de sustentabilidade contemplados nos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável – ODS, da Agenda 2030 da ONU.  

Já a Coordenadora  do Grupo Técnico (GT) Educação da Associação Brasileira de Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável – ABRAPS, Andressa Batelochio, falou sobre o ODS 4 – Educação de Qualidade, e sua convergência com cases corporativos e públicos.

E para finalizar, Ricardo Oliani e Mauricio Gibrin, da Waba Waba, empresa especializada em jogos educativos, fizeram uma dinâmica com a platéia por meio do Game da Sustentabilidade. 

O público foi o 5o expositor com ativa participação de perguntas e contribuições

O auditório com capacidade para mais de 300 pessoas estava repleto com os jovens universitários e profissionais atuantes na área.  Seniors e juniores participaram ativamente com perguntas e contribuições no debate final com os expositores. 

O próximo Fórum de Sustentabilidade será realizado em 17 de Abril e abordará o tema “Responsabilidade Social Corporativa” com case Benchmarking e especialista convidada. Para conhecer o Calendário completo, clique AQUI

Sobre os Fóruns de Sustentabilidade:
Os Fóruns de Sustentabilidade são encontros para exposição de cases, projetos e APPs certificados pelo Programa Benchmarking, e em consonância com a agenda ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) da ONU. Foram sendo aprimorados continuamente, e desde 2017 se tornaram itinerantes e transmitidos pelo live do FB do Instituto MAIS. Os fóruns se realizam em parceria com universidades, escolas técnicas profissionalizantes, e entidades representativas. Participação gratuita com emissão de certificado digital aos que comparecem. Inscrições online. Mais informações AQUI

Sobre Benchmarking Brasil:
É um respeitado programa de sustentabilidade que já certificou mais de 400 cases de boas práticas de sustentabilidade alinhados aos ODS da Agenda 2030 da ONU. Neste período contou com a colaboração voluntária de mais de 200 especialistas de 25 diferentes países, e se tornou uma importante plataforma de inteligência coletiva em sustentabilidade reunindo cases, projetos, e APPs que alimentam as programações dos fóruns de sustentabilidadeMais informações AQUI